22.1.10

A VOLTA

É difícil voltar. Difícil mesmo.
É difícil voltar a escrever como antes. Muito difícil.
Eu costumava escrever demais. Escrevia muito, muito, muito. Cheguei a postar contos quase diariamente durante algum período. Sim, durante algum período consegui esta façanha. E adorava fazer isto. Talvez a coisa mais importante da minha vida. A coisa mais realizadora. O ato mais feroz e feliz. Acontece que as coisas mudam, nós envelhecemos, e a vida passa a ser cada dia mais selvagem e cruel, absolutamente cruel. Pensei e pensei e pensei e cheguei a conclusão de que devia me afastar de tudo. Me afastar dos meus escritos, dos meus contos, do Clube Varsóvia, enfim. Nunca consegui deletar todo este blog, embora tenha tido vontade inúmeras vezes, desde que parei de escrever. Pensei, pensei e pensei muito de novo e cheguei a conclusão de que sou forte. Desatei alguns nós importantes e difíceis e voltei a ser leve e solto. Voltei a ser feliz com pequenos prazeres. Decidi voltar. E mais forte e melhor. E embora meus contos sejam risíveis, espero que me aceitem de volta. Vai ser um prazer imensurável voltar a este universo. Conto comigo mesmo e com vocês. Welcome 2010.

Um comentário:

Brena Coelho disse...

êêê!!!
conte comigo, parceiro!!!
estarei por aqui.
um cheiro