1.10.04

PEQUENOS DIÁLOGOS II

- Há algo que eu ainda possa fazer? - ele perguntou, sem jeito.
- Pode sim - ela respondeu.
Os olhos do garoto ficaram ansiosos, esperando uma resposta
- Vá se foder. Suma daqui e da minha vida e nunca mais me ligue, se possível.

Ele não se defendeu. Apenas chorou.

Lágrimas tristes em madrugadas de inverno.

Pobre idiota...

Nenhum comentário: